CinemaXunga

Desde 24 de Junho de 2003

Conan, The Destroyer (1984)

Tempos houve em que Arnold não era um puritano republicano com as peles descaídas como um velho Shar Pei. Dispensava algum do seu tempo livre ao consumo de esteróides e hormonas de bufalo. Era também um brutamontes semi-mudo usado em filmes a cada vez que se precisava de uma abominação da natureza sob a forma de alguém com caracteristicas sobre-humanas. Na altura fez 2 filmes da saga Conan, um era o Bárbaro outro era o Destruidor. A minha ZonBox gravou-me este último no canal Hollywood. Tem piada que não me lembrava de quase nada. Julgava que era o da Brigite Nielsen e afinal era o da Grace Jones. Venha o diabo e escolha.De um estéril bizarria, é um filme ao estilo jogo de computador por níveis que acaba todas as partes com o templo a ruir.  Schwarzenegger incorpora o semi-deus de maneira perfeita: com uma estátua ressequida e de queixo preso.

E nem de propósito, parece que vão fazer um remake realizado por Brett Ratner, realizador de… bah, who cares?!

Arnold, esta é a piroca embalsamada do meu falecido!

Arnold, esta é a piroca embalsamada do meu falecido!

3 Comments

  1. Um “perúmenor”, o filme que pensavas que era com a Bridget Nielsen era o “Red Sonja”, em que realmente o Arnie entrava mas com o nome de Kalidor e não como Conan… se bem que a interpretação e o papel é igual em ambos! Conan esmaga, Kalidor esmaga, Hulk esmaga e ninguém o consegue parar! 😉

  2. Pois tens razão. A gaja era a Sandahl Bergman, que também fez o mítico “She”. Mas afinal qual era o que tinha uma luta com uma cobra gigante? Red Sonja ou Conan? Tenho que rever…

  3. Este é muito mau mas o Bárbaro é um dos meus filmes fétiche de puto, faz parte do meu imaginário

Leave a Reply

© 2018 CinemaXunga

Theme by Anders NorenUp ↑

%d bloggers like this: