CinemaXunga

Desde 24 de Junho de 2003

Riscos (RTP) – Memória Xunga

riscos

Nos idos anos 97/98 havia uma série na RTP que pode ser considerada hoje a mãe de todas as séries juvenis. Duplamente mãe, uma vez que foi a primeira a inserir altas doses de melodrama e cada um dos episódios dava para fazer uma novela de 12o capítulos pelos standards actuais. Foi esta série que inventou a adolescente toxicodependente grávida seropositiva lésbica suicida sem-abrigo que está à beira de um aborto porque foi espancada pelo namorado nazi alcoólico em público, no hall de entrada da escola. E isto tudo antes do intervalo.

Não consigo ainda perceber se era uma série boa ou uma horrível pasta de concentrado de palermice, o certo é que se me apegou ao cérebro como uma má memória de infância. Cada vez que fecho os olhos, lá está a choradeira generalizada pontuada permanentemente por má representação e uma realização que faz “Uma Aventura” parecer o Citizen Kane.

Ainda hoje me lembro dela e falo dela aqui (e em todo o lado) a cada vez que vejo um filme em que um personagem é assolado por duas (ou mais) desgraças simultaneamente. Por sorte o youtube está pejado de Riscos e eu deleito-me com estes morangos dinossauricos que revejo a cada vez que me quero lembrar que os meus problemas não são assim tão maus quando comparados com outras pessoas.

Ficam aqui alguns clips do youtube mas não posso garantir a sua qualidade, uma vez que tenho o som desligado para não acordar o puto. Benvindos à  minha vida de Xunga Pós-Moderno…

Genérico (reparem na interpretação artística do termo “Riscos”, usando o duplo sentido para encher o genérico de riscos desenhados a computador, uma técnica pioneira na TV portuguesa da altura)

Aqui fica uma cena de baba e ranho. Durante todo o tempo em que estiverem a ver estas cenas, lembrem-se sempre que o Big Show Sic ainda passava aos sábados à noite e os reality shows estavam ainda em preparação. Ou seja, ainda não havia novelas da vida real…

PS: Não se sintam culpados se não conseguiram passar do primeiro minuto. Eu próprio não passei dos 20 segundos, quando o sotaque alfacinha misturado com a representação de McBeth de 9º ano me obrigaram a abrir um site de pornografia húngaro.

5 Comments

  1. Ah! O Horror! O Horror!! E ouve-se Abrunhosa no fundo….mas gostei do intervalo 🙂 aguentei até aos 3:05 min…

  2. Ahhhh, fantasmas do passado! Mas olha, comparado com a imundice que passa hoje em dia isto não era assim tão mau! Mal por mal prefiro pertencer a essa geração…

  3. Desculpem lá mas esta série foi a primeira de todas a retratar os problemas dos jovens, como drogas, álcool e violência, tanto nas escolas como em casa. Não só lançou grandes actores, como Paula Neves, tal como abriu os olhos das sociedade, naquela altura, bastante mais retrógrada que hoje em dia. A sexualidade na adolescência naquele tempo era um tabu e esta serie mostrou que isso não podia ser mais assim, os jovens que viram a serie tinham alguém em quem se basear!!
    Falar mal da serie que tratou os problemas dos jovens, ainda hoje em dia existentes é um absurdo, querem o que? mais series dos morangos?? aquilo sim e fachada! Bons actores era aqui e não actores que são escolhidos por caras bonitas e sem jeito para representar! não vêem mais de 30 segundos, então desliguem a TV mas não comentem o que não sabem!
    Quando a serie estreou ainda era bastante nova mas já tinha consciência para perceber que era de qualidade! Tanto que hoje em dia ainda se fala nela como exemplo para outras series de hoje em dia. Devia-se era fazer de novo uma serie como esta, e a RTP, precisa sem duvida para captar a atenção dos portugueses. Não vão por caras, mas sim pelas capacidades, coisa que a TVI não aposta!!

  4. esta personagem que tem moral para criticar esta serie so pode ter deficiencia mental de grau bastante elevado!!!

    completamente ridicula e nao tem noçao do que diz.
    faz um favor ao mundo e mata-te

  5. Sem duvida a melhor série juvenil de sempre ,amei e nada mas nada chega aos calcanhares de tal,ficará pra sempre,tal como toda a equipa tecnica e actores envolvidos nesta trama ,e background musical,o generico é 5 estrelas. Morango ao lado de tal é uma treta,esta série passou numa epoca bastante problematica mas tb deixou imensas saudades pra mim. 🙂 pena não voltar a rtp. : S

Leave a Reply

© 2019 CinemaXunga

Theme by Anders NorenUp ↑

%d bloggers like this: