CinemaXunga

Desde 24 de Junho de 2003

Fringe – Season 2

Vamos lá meter a conversa em dia. Acabei finalmente a segunda época de Fringe. Mais sumo, mais mitologia, mas ainda assim muito enchimento de chouriço. Quase que se perdoa tanta palha com este universo tão detalhadamente rendilhado. Perdão, multiverso! A segunda época acabou com um episódio duplo ficção científica pura e dura com um pouco de tudo, acção, mistério, romance e um cliffhanger de fazer roer as unhas durante meses. Mas no melhor pano cai a nódoa e o final à Scooby Doo não me excitou especialmente, tendo em conta que os mesmo artificio narrativo já tinha sido utilizado no início desta época com resultados pouco animadores. [Spoilers ahead]

Falo obviamente da troca das Olivias e do esquema Evil Twin que já não me agradou muito quando um dos metamorfos roubou a identidade de Charlie. Foram episódios dolorosamente longos. Detesto este artificio e acho que não estou sozinho neste ódio. Ainda no capítulo do “Não me agradou” há que assinalar a presença de um episódio da primeira época enfiado a martelo no meio desta, coisa que nunca tinha visto antes. Personagens mortos reaparecem, penteados revertem um ano, uma desgraça. E ainda o episódio em que Walter conta um história ao estilo de filme noir de detectives que tem de tudo para irritar os fãs.

De todas as possibilidades de continuação de que se tem falado, a existência e interacção de mais dimensões além das já conhecidas não é assunto que me excite particularmente, pois temo que se caia noutro Sliders, em que o detalhe imensamente rico de duas dimensões tenha que ser substituído pela superficialidade de uma multitude dimensional. Uma com macacos a governar o mundo, outra em que os nazis ganharam a guerra, outra em que os Incas e os Astecas ainda dividem a América ou ainda outra em que Manuel João Vieira tivesse efectivamente ganho as eleições para a presidência da republica portuguesa.

Só me resta desejar que a terceira época arranque em full throttle e não repetir a época passada em que depois de um final electrizante se voltou abruptamente aos episódios áridos e estéreis. Quero ver mais Walternate Vs Walter e espero sinceramente que Leonard Nimoy volte em todo o seu esplendor, porque a interacção Walter – Bell foi bastante interessante.

Lendo isto parece que detestei esta época de Fringe, mas nada poderá estar mais longe da verdade. Provavelmente encheria páginas e páginas a assinalar tudo aquilo que me agrada nesta série, mas quem ainda se aguentou a ler este post até aqui conhece provavelmente todas essas características de cor e salteado. Faz-nos sentir aquele fascínio das séries de ficção científica de quando éramos putos e isso, por si só, é uma empreitada de se lhe tirar o chapéu.

Esperemos então o que nos espera em Setembro. “A DEMON’S TWIST RUSTS” 😉

4 Comments

  1. O pseudo episodio musical realmente dividiu muitas opinioes, mas eu estou do lado dos que gostaram! Nao que eu queira que voltem a fazer algo semelhante no futuro, porque isso é daquelas cenas que só funcionam uma vez, mas que gostei, gostei.
    De resto, é como tu dizes…espero que o arranque da proxima season nao caia em manhosices excessivas, mas há que manter o optimismo e confiança. É o minimo que podemos fazer por aquilo que a serie já nos ofereceu até agora…

  2. “Manuel João Vieira tivesse efectivamente ganho as eleições para a presidência da republica portuguesa.” Chiça, eu queria ver esse universo alternativo!!

    Agora sobre a serie, concordo com os pontos fracos que apontaste, e cada vez estou mais ansioso pela 3ª temporada!

  3. A 2ª temporada até que começa com um ritmo porreiro, o problema é que metade dos ep são de enchimento de chouriço. Eu pessoalmente gostei do fim da temporada, a troca das Olivias é que escusava de ser tão óbvia. Quem é que não suspeitou??? Na 1ª temporada Olívia observa o Walter atrás de um vidro no manicómio, agora acaba com ela nessa mesma situação. Gostei bastante deste pormenor. Não gostei foi da justificação para o desaparecimento do Alternativo Bell. Um acidente de carro e não se toca mais no assunto…

    Dia 23/09 está de volta:-), espero que mais consistente. Segundo a Jasika Nicole irá ser numa realidade alternada por ep. Ver aqui:

    http://ausiellofiles.ew.com/2010/08/03/fringe-video-scoop-big-twist/

  4. A DEMON’S TWIST RUSTS
    =

    DON’T TRUST SAM WEISS

    Será que o Sam vem de um 3º universo?

Leave a Reply

© 2019 CinemaXunga

Theme by Anders NorenUp ↑

%d bloggers like this: