CinemaXunga

Desde 24 de Junho de 2003

Death at a Funeral (2010)

Não se compreende que um filme com 3 anos, falado em inglês e realizado por um americano tenha direito a um remake plano a plano. Gostei do original, mas all-black superteam dream cast não traz melhoras e as piadas do facebook apenas servem para o datar irremediavelmente. E como o filme é basicamente um cópia do outro, resta-nos desancar impiedosamente a sua falta de imaginação e dissertar de modo debochado e taberneiro acerca da anatomia de Zoe Saldana.

É por demais sabido que os americanos não gostam de legendas. Se um filme não oriundo de Hollywood faz sucesso tem que haver um remake. Porque não pode ser legendado, porque não pode ser velho, porque nem todas as pessoas têm macs ou iphones, porque precisa de ter uns actores ancora para facturar nas bilheteiras e, ponto essencial, tem que ser simplificado, aplanado, estupidificado para fácil compreensão. O público precisa de faróis de cliché e banalidade para perceber em que ponto se encontra e não se perder em complexidades. Deus nos livre de um filme com um esqueleto narrativo diferente do habitual, só faltava mais essa! Por muito imbecil que soem estas ideias que acabei de dizer, são verdades irrefutáveis.

É apenas uma sucessão de imbecilidades que não sendo propriamente hediondas, cheiram a mofo e a “been there done that”. A única conclusão que posso daqui tirar, além da inutilidade desta empreitada, é que eu não sou o público alvo. Não sou exigente, por isso uma cena de sexo, um seio, uma daquelas jeitosas em lingerie, um velhinho a ser atropelado por um camião, um cão a pisar uma mina e explodir, um raid de ninjas que não deixe sobreviventes, uma epidemia zombie ou a aniquilação de uma galáxia à força de impulsos de raios gama já me deixava mais satisfeito.

Quanto a Zoe Saldana e à sua anatomia, pensei que fosse melhor, pelo ideia que me ficou no Star Trek. Sim é bonita e delgada, tem postura decente e aquele aspecto de que se pode levar a um jantar da empresa sem parecer uma prostituta paga à hora. Mas para uma mulatita falta-lhe carnes. Rabo pequeno e maminhas envergonhadas não são características de envergonhar, mas dá ideia que uma palmadinha mais forte pode deslocar facilmente os ossos da bacia e provocar um espasmo de entalar a gaita. E entrar no hospital ensardinhado  numa jeitosa destas com o púbis fracturado é uma situação que pode fazer levantar algumas sobrancelhas…

9 Comments

  1. Eheh. Queria deixar um comentário mas nem sei o que diga, além de dizer que neste filme nem lhe toco com uma vara de 5 metros. Se for para ver a Zoe Saldana vou ver o Avatar que ela está bem descascada 😉

  2. NOTA: eu SEI que a Zoe Saldana no Avatar é CGI…

  3. Ainda bem que clarificaste isso, senão a matilha de cães da morte que por aqui costuma andar caía-te em cima com toda a sua geekyness.

  4. Gostei do 1º. Este foi para esquecer.

  5. também há um remake indiano: http://www.imdb.com/title/tt1404573/

    acerca de remakes, lembro-me que os americanos iam fazer um remake do oldboy….excepto a parte do incesto (como fazer um star wars sem a parte da força). segundo uma pesquisa rápida no imdb, parece que é já em 2012. é que queríamos mesmo mostrar aquele filme aos nossos filhos.

  6. Até ler este texto, eu estava convencido que no Star Trek era a mulher do Will Smith! Sempre pensei que estas duas mulheres fossem a mesma. É que sao, basicamente, iguais caraças (inclusive nas tais caracteristicas anatomicas).
    Quanto ao filme, vi o original e nem sabia que havia um remake, daí a minha confusao quando olhei pro poster e vi aquelas substituiçoes afro-americanas antes de começar a ler o texto. Por momentos pensei sinceramente que se tratava de algum spoof de photoshop ou assim.

  7. A Zoe não é a que entre no Mission Impossible 3, salvo erro?! A ladra irresistível que seduz e é seduzida pelo Tom Cruise?!

  8. Dark: Não, essa do Mission Impossible 2 é a Thandie Newton http://www.imdb.com/name/nm0628601/

  9. E eu que pensava que os chineses é que eram todos iguais… afinal estas três cabritas também parecem trigémias! Oh se gemias…

Leave a Reply

© 2019 CinemaXunga

Theme by Anders NorenUp ↑

%d bloggers like this: