Desde 24 de Junho de 2003

Teeth (2007)

Captura de ecrã total 21-07-2009 162606

Filmes de terror teenager e os seus medos são, hoje em dia, aos magotes. Mas quando se fala em cinema de terror de contornos cronenberguianos em que a personagem principal sofre de Vagina Dentata, aí as coisas mudam de figura. Confesso que já vi muita coisa estranha na minha vida, incluindo um porco a andar de bicicleta. Mas um filme em que uma moça com dentes na crica passa a vida a arrancar pirocas aos seus parceiros sexuais é uma coisa que não pode nunca ser ignorada…

Os Teeth a que o título se refere são duas valentes de filas de dentes na rata de uma jovem virgem que acha que algo se passa no seu baixo ventre. Quando o seu ginecologista perde 2 dedos na sua fornalha do amor ela acha que é altura de se começar a preocupar. Quanto mais se preocupa mais lhe querem saltar ao pelo. Ela recusa, mas como o fruto proibido é o mais apetecido chegamos ao final do filme com um stock de Kochwurst suficiente para uma despedida de solteira.

À partida parece bastante superficial, mas Teeth aventura-se pelo psicológico adentro com a determinação de um soldado japonês. O problema é que o público deste filme quer é ver chacina de linguiça, vítima de uma cona dentada e não os dramas de uma teenager no cio em crise existencial. Rapidamente entramos na vulgaridade do “será real, será imaginação” e o sindrome de Boxing Helena faz-nos temer o pior: será um sonho? Nãããoooo…. Talvez seja talvez não. Não gosto de spoilers.

Não é uma obra de arte que viverá para além da eternidade, mas é um bom filme. Sem ser demasiado galhofeiro nem uma análise profunda da psique teenager americana, tem um equilíbrio que o torna agradável. Se bem que a mim arrepia-me um bocado a pele do escroto perante tal massacre que chouriça. Mas para o fim habituei-me.

Trailer

6 Comments

  1. Bruno

    aquela cena do cão… é… nojenta

  2. AddCritics

    Já tinha ouvido falar deste filme. Não podemos negar que uma premissa tão invulgar carrega algum interesse.

  3. castor

    sim… o cão…
    já o plano antes desse, debaixo das pernas dela, com a a morcela a cair, inerte, é qualquer coisa.

  4. Bruno

    mas eu quando soube da premissa do filme, pensava que a crica da gaja arrancava as pirocas e depois engolia… afinal cospe aquilo p’ra fora

  5. pedro

    O problema da crica engolir as pirocas é que do ponto de vista técnico teria que haver uma Crica-Cam para se poder perceber o que aconteceu com a piroca. E isso requer orçamentos maiores. Além de que o útero não dispõe propriamente de um sistema digestivo…

  6. Ruy

    Ainda pensei que este filme fosse de uma produção elaborada e tal, mas depois comecei a perceber que seria série B, C, … Z…? parece-me que pode ser rotulado de xungoso

Leave a Reply

© 2021 CinemaXunga

Theme by Anders NorenUp ↑

%d bloggers like this: