Desde 24 de Junho de 2003

The X Files: I Want to Believe (2008)

xfiles02

Seguir um deambulante padre pedófilo com visões apocalípticas não era exactamente aquilo que esperava deste novo X-Files. E eu esperava muito! Fui ávido fã da série até à season 4, altura em que me apercebi que aquilo não ia a lado nenhum. Mais do que uma saída em grande, I Want To Believe envolve-nos numa trama tão idiota que não conseguimos parar de pensar: “Será que esta t-shirt me faz mais gordo?…”

Este filme de X-Files foi precedido de algum hype, em que Chris Carter disse que para compreender completamente o filme era preciso ver 7 episódios chave. Curiosamente para ver estes “episódios chave” era preciso comprar umas 5 séries, porque episódios dos X-Files não se vendem a granel. Eu vi esses episódios. Já viram a triste criatura em que me tornei?… [Silêncio desconfortável] Anyway, esses 7 episódios não pareciam fazer grande sentido e depois quando vi o filme percebi que fui enganado como uma daquelas pessoas que vai a uma reunião para receber um presunto e uma torradeira e regressa com 3 colchões e um time-sharing na Papua Nova Guiné que não inclui transportes.

Para compreender este episódio oblongo e bolorento dotado dum elevado índice de parvoíce basta apenas não ser atrasado mental, uma vez que o argumento é tão idiota como estéril. Spock ter-se-ia vomitado pelas calças abaixo pela absoluta falta de lógica. Mulder e Scully andam de um lado para o outro, como baleias desorientadas numa baía japonesa, pálidos e sem a pujança de outrora. Pobrezinhos, como me metem dó…

Eu não sou argumentista nem nada. Já me dou por satisfeito por saber escrever qualquer coisa a mais que a minha assinatura, mas assim de repente consigo-me lembrar de uns 15 assuntos de X-Files que dariam um filme mais interessante que este. Filme? Eu disse filme? Este episódio rejeitado com problemas de edição e coerência.

Que esta seja a machadada final de X-Files que já tão esticado foi para além do tolerável. Quando o filme acabou alguém se levantou e gritou “E os extra-terrestres, caralho?“. Um bem haja para este cidadão corajoso que com tão eloquente discurso expôs de maneira sintética todas os nossos desassossegos.

3 Comments

  1. Ricardo Vieira

    Merda de filme. Fiquei fodido com o Carter. Juro que quando (se) o vir o vou despedaçar. Dos piores do ano passado.

  2. papatodas

    Nem cheguei a ver o filme todo, p’ra tortura já me chega a sogra…

  3. cine31

    Foi agoniante assistir a esta “coisa”. Uma saudação a esse jovem anónimo que inquiriu pelo paradeiro dos seres alienígenas.
    eu pelo menos não gastei my precious money a ver esta bacorada. Como fã dos x-Files fiquei muito, muito desiludido, c@r@!!%

Leave a Reply

© 2022 CinemaXunga

Theme by Anders NorenUp ↑

%d bloggers like this: