CinemaXunga

Desde 24 de Junho de 2003

Bikini Bandits (2002)

Críticas de Arquivo CinemaXunga: 2004
Críticas de Arquivo CinemaXunga: 2004

Sinopse: As Bikini Bandits são um grupo de miúdas boas, assaltantes, cujo roupa é um singelo bikini que mal tapa os pudores. Infelizmente, logo após o primeiro assalto morrem quando o seu carro cai num penhasco. Vão para o Inferno onde têm que cumprir uma missão: voltar no tempo e perverter a virgem Maria. No entanto são convertidas pelo Papa Ramone I antes de cometerem tão blasfemo acto. Voltam ao Inferno onde batalham satanás. Entretanto fogem outra vez para a terra onde vivem um tempo numa quinta Amish, sempre de bikini. Mas um jovem atrasado mental amish é raptado pela indústria porno para se aproveitar do seu colossal penis. As bikini bandits decidem ajudar a esposa (e irmã) do atrasado mental e combater o Evil Porn Director… And so on…

Crítica: Bem, que sinopse, não? The Bikini Bandits Experience é uma colagem de curtas metragens que andam há algum tempo a circular no underground geek’n nerd da Internet. Tudo começou com umas animações flash e rapidamente passou para o “live action”, com miudas de carne (e que carne) e osso. Basicamente é brainless entertainment, piadas de mau gosto, carros, armas, gajas boas semi-nuas e representação amadora com qualidade técnica a roçar os videos de casamentos que os nossos amigos noivos nos obrigam a gramar.

Mas porque é que eu vi isto? Bem, em primeiro lugar pela capa do DVD. Depois por alguns ilustres actores, que apesar de serem uma merda a representar, são todos eles icons no seu mundo. Para começar temos Satanás, interpretado por Maynard James Keenan, vocalista dos Tool e Perfect Circle e profecta/visionário do apocalipse. Depois temos o Papa, que neste filme se chama Papa Ramone e é interpretado por Dee Dee Ramone, esse mítico bacano que conquistou o mundo do punk/rock com três acordes apenas. Dee Dee morreu em 2002 por overdose. Finalmente temos Jello Biafra, mítico vocalista dos Dead Kennedys e mais tarde dos não menos míticos Lard (com uns tipos dos Ministry). Biafra interpreta o Evil Porn Director, um papel que lhe fica tão bem, depois de tanto tribunal ter visitado à conta das sua enorme boca e propensão para a blasfemia.

Ora, depois disto temos o quê? Carros musculados, miúdas e armas, TV Shop a promover drogas e depravação sexual, algumas piadas de peidos, enfim um curto filme (53 minutos) bastante eclético. No entanto, suas mentes podres, não há sexo nem nudez…

Pontos Altos: Ver estes peixes fora de água a divertirem-se que nem cães na água, gajas boas, alguma poderosa crítica social e pouco mais.

Pontos Baixos: Uma montagem MTV que enjoa um pouco, pouco coeso e com momentos a rasar o completamente imbecil.

Veredicto: Obviamente o filme é um bocado merdolas, mas pela experiência e pelos participantes no projecto vale a pena perder 40 minutos (se fizerem FF nas partes mais dengosas).

1 Comment

  1. foda-se… pensei que na sinopse tavas a gozar com o pessoal…

Leave a Reply

© 2019 CinemaXunga

Theme by Anders NorenUp ↑

%d bloggers like this: